Controles das constantes a e b.
Resultados Obtidos
a , onde a =

b , onde b =

Você pode mudar os valores acima, clicando nos botões vermelhos ou azuis.

`f(x) =` x + ()

Coordenadas do ponto de Intercepto em Y:

(0, b) = ( 0 , )

Coordenadas do ponto de Intercepto em X:

(`x_1`, 0) = ( , 0)




A Função Polinomial do 1° Grau, mais conhecida como Função do 1° Grau, é uma Função Afim.

Esse tipo de Função pode representar muitos eventos cotidianos como, por exemplo, o valor que uma pessoa paga ao final de um mês no seu plano de celular pós-pago; pagando um valor fixo mais um outro valor variável em termos do tempo de uso em ligações. Digamos que o valor da assinatura seja fixo em R$20,00 e o custo de ligação é R$0,05 por minuto de chamada.

Assim, o valor total do pré-pago pode ser representado pela lei:

`f(x) = 20 + 0,05x`

Onde x é o tempo de ligações, em minutos; e f(x) o preço total a ser pago, em reais.

O exemplo acima é de uma Função Afim. Uma Função Afim é toda funcão `f: \RR \rightarrow \RR` que pode ser escrita na forma `f(x) = ax + b` como os coeficientes `a` e `b` reais.

Aprenda

Toda Função Afim `f: \RR \rightarrow \RR` pode ser escrita na forma `f(x) = ax + b`. Onde:

Coeficientes: `a` e `b` (são números reais).

Variável: `x` (é um número real).

I) Para `a != 0` a Função `f` pode ser chamada de Função Polinomial de 1° Grau.

II) Para `a = 0` a Função `f` não pode ser chamada de Função Polinomial de 1° Grau. Ela é uma Função Constante.

Cardica

No Plano Cartesiano o gráfico de toda função afim `f(x) = ax +b` corresponderá a uma reta. Esse fato decorre que a variação de `y` sobre a variação de `x` é sempre uma constante real.

Repare que:

`\frac{\Delta_y}{\Delta_x} = \frac{f(x_1)-f(x_0)}{x_1-x_0}=\frac{(ax_1 +b)-(ax_0 +b)}{x_1-x_0}=\frac{ax_1-ax_0}{x_1-x_0}= \frac{a*(x_1-x_0)}{x_1-x_0}=a`

E `a` é uma constante real, conforme a definição.



Função Afim `f(x) = ax + b`

Função Polinomial do 1° Grau

`f(x) = ax + b` com `a != 0`

 

Função Constante

`f(x) = b`



Sobre o coeficiente `a` (coeficiente angular)

1) `a > 0`

Repare simplesmente que se `a >0` conforme aumentam-se os valores de `x` amentar-se-ão os valores de `ax`. Logo, também ficarão cada vez maiores os valores de `b + ax` pois `ax` estará contribuindo ao valor de `b` com valores mais e mais elevados.

Note que eu apenas escrevi nesta ordem: `b + ax` para destacar a contribuição e `ax` sobre `b`. Mas lembre que `f(x) = ax+b = b + ax`.

Portanto, para `a > 0`, `f(x)` é crescente.

Ou seja, para `a > 0`, o gráfico de `f` no Plano Cartesiano só pode ser uma reta ascendente.

Neste caso, `f(x)=ax+b` é uma Função Polinomial do 1° Grau. Pois `a != 0`.

 
2) `a < 0`

Repare que se `a <0` conforme diminuem-se os valores de `x` diminuir-se-ão os valores de `ax`. Logo, também ficarão cada vez menores os valores de `b + ax` pois estaremos diminuindo `ax` do valor de `b` .

Portanto, para `a < 0`, `f(x)` é decrescente.

Ou seja, para `a < 0`, o gráfico de `f` no Plano Cartesiano só pode ser uma reta descendente.

Neste caso, `f(x)=ax+b` é uma Função Polinomial do 1° Grau. Pois `a != 0`.

 

3) `a = 0`

Se `a = 0` qualquer alteração dos valores de `x` não afetará os valores de `ax` pois `ax = 0*x = 0`. Logo, ficará constante o resultado `ax+b` pois teremos `ax + b = 0*x +b=b` .

Portanto, para `a = 0`, `f(x)` é constante.

Ou seja, para `a = 0`, o gráfico de `f` no Plano Cartesiano só pode ser uma reta perpendicular ao eixo das ordenadas, pois todos os resultados `f(x)` são iguais entre si.

1

Exemplo 1


Construa o gráfico da função `f: \RR \rightarrow \RR` onde `f(x) = (x-2)^2-(x+1)^2`.


Resolução


A lei da função `f`, ou seja `f(x) = (x-2)^2-(x+1)^2` pode ser simplificada expandindo os produtos notáveis envolvidos nas parcelas `(x-2)^2` e `(x+1)^2`

`(x-2)^2 = x^2-4x+4`

`(x+1)^2 = x^2+2x+1`

Portanto, `f(x) = (x-2)^2-(x+1)^2 = x^2-4x+4 -(x^2+2x+1) = -6x+3`.

Assim `f` é uma função afim pois pode ser escrita na forma `f(x)=ax+b`. Repare que `f(x) = -6x+3`. Nessa função o coeficente angular vale `-6` o que implica que o seu gráfico no Plano Cartesiano é uma reta descendente.

Intercepto com o eixo `x` - basta fazer `f(x)=0`

Podemos obter o ponto de intercepto do gráfico de `f` com o eixo das abscissas (eixo `x`) fazendo `f(x)=0`:

` -6x+3=0`

`-6x=-3`

`6x=3`

`x=1/2`

Assim o gráfico de `f` intercepta o eixo das abscissas no ponto de coordenadas `(1/2,0)` — o valor `1/2` é chamado de zero da função ou raiz da função. O termo zero, nesse contexto, significa em matemática "o valor que torna zero a função", "o valor que anula a função" ou "`x` tal que `f(x)=0`.

Mais apropriado é chamar de zero da função porque funções tem zeros e equações tem raízes. Contudo, se preocupe mais com o conceito envolvido na obtenção do intercepto com o eiox `x` do que as preferências de estilo de linguagem que nós matemáticos apreciamos.

Intercepto com o eixo `y` - basta fazer `x=0`

Podemos obter o ponto de intercepto do gráfico de `f` com o eixo das ordenadas (eixo `y`) fazendo `x=0` - ou seja, `f(0)`:

`f(0) = -6*0+3 = 3`.

Logo, o gráfco intercepta o eixo das ordenadas no ponto `(0,3)`.

2

Exemplo 2


Construa o gráfico da função `f: [-1,1] \rightarrow \RR` onde `f(x) = -6x+3`.


Resolução

Primeiramente repare que foi indicado `f: [-1,1] \rightarrow \RR`. Isso que dizer que o Domínio da função `f` está restrito ao intervalo `[-1,1]` então `-1<=x<=1`. Nesse caso o gráfico no Plano Cartesiano não será toda uma reta, mas um trecho dela, um segmento de reta limitado entre `x=-1` e `x=1`.

Vamos obter as imagens para `x=-1` e `x=1` em `f(x) = -6x+3`

`f(-1) = -6*(-1)+3=6+3=9`. Então a primeira extremidade do trecho do gráfico é o ponto `(-1,9)`.

`f(1) = -6*(1)+3=-6+3=-3`. Então a primeira extremidade do trecho do gráfico é o ponto `(1,-3)`.

Ressaltando: Como `f` é da forma `f(x)=ax+b` o gráfico corresponderia a uma reta no Plano Cartesiano; contudo, com as limitações definidas pelo domínio, corresponderá a um segmento de reta no Plano Cartesiano.

Avalie esta página

Muito Supimpa Pesadelo

Supimpa
Pesadelo

Normal
Pesadelo

Mequetrefe
Pesadelo
Muito Mequetrefe
Pesadelo





Doe sua Nota Fiscal (sem CPF) para amigos do bem:


Comente

São mais de 50.000 páginas de conteúdo . Não acompanho os diálogos a seguir - por isso, caso você ache alguma pergunta feita pelos usuários e queira contribuir, por favor, deixe o seu parecer - que irá enriquecer o material.