Professor Cardy



Cardicas > Fórmula de Bháskara?

Caso você queira calcular as soluções de uma equação do 2º grau, use a calculadora on line.

CLIQUE AQUI

O hábito de dar o nome de Bháskara para a fórmula de resolução da equação do segundo grau se estabeleceu no Brasil por volta de 1960. Esse costume aparentemente só brasileiro (não se encontra o nome de Bhaskara para essa fórmula na literatura internacional), não é adequado pois:

      • problemas que recaem numa equação do segundo grau já apareciam, há quase 4 mil anos, em textos escritos pelos babilônios. Nesses textos o que se tinha era uma receita (escrita em prosa, sem uso de símbolos) que ensina como proceder para determinar as raízes em exemplos concretos com coeficientes numéricos.
      • Até o fim do século XVI não se usava fórmula para obter raízes de uma equação do 2° grau, simplesmente porque não se representavam por letras os coeficientes de uma equação. Isso passou a ser feito a partir de François Viète, matemático francês que viveu de 1540

Mas por que logo para Bháskara?

Bhaskara (também conhecido como Bhaskaracharya) que nasceu na Índia em 1114 e viveu até cerca de 1185 foi um dos mais importantes matemáticos do século XII. As duas coleções de seus trabalhos mais conhecidos são Lilavati (A Bela) e Vijaganita (Extração de raízes), que tratam de aritmética e álgebra respectivamente, e contém numerosos problemas sobre equações lineares e quadráticas (resolvidas também com receitas em prosa), progressões aritméticas e geométricas, radicais, tríadas pitagóricas (ou ternas pitagóricas) e outros.

Six works by Bhaskaracharya are known but a seventh work, which is claimed to be by him, is thought by many historians to be a late forgery. The six works are: Lilavati (The Beautiful) which is on mathematics; Bijaganita (Seed Counting or Root Extraction) which is on algebra; the Siddhantasiromani which is in two parts, the first on mathematical astronomy with the second part on the sphere; the Vasanabhasya of Mitaksara which is Bhaskaracharya's own commentary on the Siddhantasiromani ; the Karanakutuhala (Calculation of Astronomical Wonders) or Brahmatulya which is a simplified version of the Siddhantasiromani ; and the Vivarana which is a commentary on the Shishyadhividdhidatantra of Lalla . It is the first three of these works which are the most interesting, certainly from the point of view of mathematics, and we will concentrate on the contents of these.

J J O'Connor and E F Robertson

Logo, embora não se deva negar a importância e a riqueza da obra de Bhaskara, não é correto atribuir a ele a conhecida fórmula de resolução da equação do 2° grau.

Referências:

        1. RPM 39, p. 54.
        2. Eves, H. Introdução à História da Matemática.
        3. Boyer, C. B. História da Matemática.