Professor Cardy

web
statistics

Quando eu era pequeno e a Matemática ainda não tinha o apelo intelectual que tem para mim hoje em dia - confesso! - Eu não sabia a tabuada...

Meu problema não era a Matemática mas sim qualquer coisa que me obrigassem a saber decorado. Veja, acredito sinceramente que muita da birra de exatas é que no início a influência da bitola seja tão negativa na vida do indivíduo que uma coisa seja confundida pela outra.

Minha experiência com a tabuada foi ainda mais longe: minha professora primária foi taxativa em proibir que as contas fossem feitas com as mãos e que isso nunca faria que entendessemos a tabuada. Quer dizer, não tinha que só saber; tinha que saber fazer daquele modo.

Pense comigo. Nosso sistema DECIMAL justamente foi herdado pela herança de nossos antepassados que faziam as contas com as mãos. Bem, não que fazer contas como as crianças desejam fazer é o mais apropriado... contanto de um em um. Mas deve ter tido um grande motivo para que os dedos viessem a colaborar na história da aritmética para acabarmos ficando com o sistema numérico decimal.

Tem sim e vou ilustrar rapidinho. Basta que você utilize o seguinte processo que vale para qualquer combinação de fatores {6, 7, 8, 9}. Assume-se que as tabuadas do 2, 3, 4, e 5 sejam já conhecidas (para simplificar a explicação).

Cada uma de suas mãos será representande de um dos fatores de uma multiplicação qualquer.

1

Exemplo 1


Calcule 7 x 6.


Prática

Abaixe da mão do 7 dois dedos (porque 7 é dois a mais que o cinco) e da mão do 6 um dedo (porque o 6 é um a mais do que cinco).

1) o total de dedos abaixados é o total de dezenas do produto. Temos 3 dedos abaixados, logo, 30 .

2) a quantidade de dedos esticados da mão do sete (3 dedos) e a quantidade de dedos esticados da mão do 6 (4 dedos) serão multiplicados: 3 x 4 = 12.

3) some o total de (1) com (2), ou seja, 30 + 12 = 42 .

7 x 6 = 42


2

Exemplo 2


Calcule 9 x 8.


Prática


Abaixe da mão do 8 três dedos (porque 8 é três a mais que o cinco) e da mão do 9 quatro dedos (porque o 9 é quatro a mais do que cinco).

 

1) o total de dedos abaixados é o total de dezenas do produto. Temos 7 dedos abaixados, logo, 70.

2) a quantidade de dedos esticados da mão do oito (2 dedos) e a quantidade de dedos esticados da mão do 9 (1 dedo) serão multiplicados: 2 x 1 = 2.

3) some o total de (1) com (2), ou seja, 70 + 2 = 72 .

8 x 9 = 72

3

Exemplo 3


Calcule 7 x 7.


Prática

Abaixe da mão do 7 dois dedos (porque 7 é dois a mais que o cinco) e da mão do outor 7 também dois dedos.

1) o total de dedos abaixados é o total de dezenas do produto. Temos 4 dedos abaixados, logo, 40 .

2) a quantidade de dedos esticados da mão do sete (3 dedos) e a quantidade de dedos esticados da outra mão do 7 (3 dedos) serão multiplicados: 3 x 3 = 9.

3) some o total de (1) com (2), ou seja, 40 + 9 = 49 .

7 x 7 = 49


Matemática de Loterias



As pessoas normalmente fazem apostas na Mega Sena, pelo valor acumulado mais alto ou pelo simples hábito. Sabemos que a probabilidade de levar o prêmio principal é bem baixo. Contudo, será que vale mais a pena apostar numa Mega Sena que pode pagar R$30 milhões ou numa Timemania que pode premiar R$5 milhões?

Pensar exclusivamente na questão PROBABILIDADE é a melhor referência. Porém, aliado a isso, o VALOR DO PRÊMIO e o VALOR DA APOSTA também são interessantes de levar em conta. Vale mais a pena gastar seus REAIS na MEGA SENA que paga R$30 milhões ou numa Timemania que pode premiar R$5 milhões? A probabilidade da Timemania é melhor (em relação à da Mega) e o valor da aposta é mais baixo.

É certo que O VALOR ALTO DE PRÊMIO seduz muito e valor baixo desmotiva o interesse. Porém, se o valor alto vem de um jogo cujas chances de ganho são muito discrepantes no confronto direto, muitas vezes é mais interessante ir atrás de um prêmio menor se as suas chances de êxito vencem, mesmo sendo uma premiação inferior.

De acordo com a relação PRÊMIO A CONQUISTAR e PROBABILIDADE DE LEVAR, CUSTO DA APOSTA, eu calculei uma NOTA DE MAIS VALIA. Veja na ORDEM (de cima para baixo) onde vale mais a pena (NOTA 100) gastar seu real até onde menos vale a pena apostar, levando tudo isso em consideração

A TABELA A SEGUIR MUDA DE ACORDO COM OS VALORES DOS PRÊMIOS, CUSTOS e REGRAS. CONFIRA A ANÁLISE NA DATA INFORMADA.

Para poder apostar nos concursos internacionais clique na imagem a seguir ou CLIQUE AQUI.

Se você não entende PORCENTAGEM é hora de estudar mais no meu site CLIQUE AQUI