Professor Cardy



Exercícios > IBMEC

A seguir você encontra uma seleção de 33 de exercícios de relativos à banca: IBMEC.

Próxima Página
Última Página

Registros 1 a 20 de 33.

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Raciocínio Lógico Dedutivo

Pesadelo


Partindo de duas ou mais declarações, pode-se obter uma nova declaração unindo as primeiras por meio de conectivos (expressões como e, ou, se... então...). Essa nova declaração é chamada de tautologia quando for sempre verdadeira, independentemente das declarações que a formaram serem verdadeiras ou falsas. Assim, a declaração “O céu é azul ou o céu não é azul” é um exemplo de tautologia.
Dentre as declarações abaixo, assinale aquela que representa uma tautologia.

a) Se o Brasil ganhar da França e a Argentina perder da Itália, então a França ganhará do Brasil.
b) Se Paulo é brasileiro e tem mais de 18 anos, então ele nasceu na Bélgica ou tem mais de 15 anos.
c) Se João tem dois ou mais filhos, então ele tem quatro filhos.
d) Se me pagarem R$500,00 ou me derem a passagem de avião, então eu terei na carteira mais de R$400,00.
e) Se o prefeito ou o governador comparecerem, então o presidente não virá.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Raciocínio Lógico Dedutivo

Pesadelo


A figura abaixo mostra o mapa do continente Oval, que possui dez países, localizado no legendário planeta Redondo.

Supondo que as viagens descritas abaixo sejam feitas por terra, pode-se afirmar que

a) para viajar do país F para o país I, é necessário passar por outros três países além de F e I.
b) para viajar do país B para o país H, é necessário passar pelo país C.
c) para sair do país B, é necessário e suficiente passar pelo país A.
d) para viajar do país E para o país H, é suficiente atravessar o país C além de E e H.
e) para viajar do país A para o país I, é suficiente passar por outros dois países além de A e I.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Raciocínio Lógico Dedutivo

Pesadelo


Se a afirmação “Se não é verdade eu dizer que eu não saiba onde ela não está, então ela não sabe dizer onde eu não estou.” é falsa, então

a) eu sei onde ela não está e ela sabe onde eu não estou.
b) eu sei onde ela está e ela sabe onde eu não estou.
c) eu sei onde ela não está e ela sabe onde eu estou.
d) eu sei onde ela está e ela sabe onde eu estou.
e) eu não sei onde ela não está e ela não sabe onde eu não estou.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Raciocínio Lógico Dedutivo

Pesadelo


Para responder a essa questão, considere que todo indivíduo que contrai dengue apresenta febre alta e dores musculares.
Carlos e Sílvio deram entrada num hospital com suspeita de dengue. Carlos apresentava febre alta e dores musculares, enquanto Sílvio se queixava de dores musculares, mas não apresentava febre. A partir dessas informações, pode-se concluir que

a) Carlos e Sílvio certamente contraíram dengue.
b) Carlos certamente contraiu dengue, e Sílvio pode ou não ter contraído a doença.
c) Carlos certamente contraiu dengue, e Sílvio certamente não contraiu a doença.
d) Carlos pode ou não ter contraído dengue, o mesmo ocorrendo com Sílvio.
e) Carlos pode ou não ter contraído dengue, e Sílvio certamente não contraiu a doença.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Probabilidade

Pesadelo


Observe o diagrama abaixo.

Para preenchê-lo, serão obedecidas as seguintes regras:

• cada uma das três etapas (I, II e III) é iniciada com o lançamento de uma moeda honesta para decidir qual operação será efetuada naquela etapa: caso a face voltada para cima seja cara, efetua-se uma adição (+), e, caso seja coroa, efetua-se uma multiplicação (×);
• nas etapas I e II, será efetuada a operação (definida pelo sorteio) entre os números indicados nos quadrados, colocando-se o resultado no círculo correspondente;
• na etapa III, será efetuada a operação (definida pelo sorteio) entre os números obtidos nos dois círculos, colocando-se o resultado no triângulo.

Nessas condições, a probabilidade de que o resultado colocado no triângulo seja igual a 4 é

a) 1/8
b) 1/4
c) 1/3
d) 3/8
e) 1/2


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Geometria Espacial

Pesadelo


Para estimular a venda de seus produtos, uma conhecida marca de cervejas criou um recipiente térmico para manter as latas da bebida geladas, e o colocou à venda em três tamanhos: pequeno, médio e grande. Os três tamanhos têm, respectivamente, capacidades para armazenar 16, 54 e 128 latas de cerveja, além do espaço para o gelo, que deve ser adicionado junto com as latas para mantê-las geladas. Considere que:

• os recipientes têm todos um formato cilíndrico, sendo a altura igual ao dobro do diâmetro da base,
• o volume de cada recipiente é diretamente proporcional à quantidade de latas que comporta,
• os preços dos recipientes são proporcionais à área total da superfície do cilindro, dado que o principal custo do produto refere-se ao material de isolamento térmico.

Se o recipiente pequeno custa R$60,00, a soma dos preços de um recipiente médio mais um recipiente grande é igual a

a) R$187,50.
b) R$281,25.
c) R$375,00.
d) R$468,75.
e) R$562,50.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Geometria Plana

Pesadelo


Na figura abaixo, a circunferência maior tem raio 4cm, há duas circunferências de raio 2cm, quatro circunferências de raio 1cm, quatro de raio 0,5cm, quatro de raio 0,25cm, e assim por diante. Considere que
• a é a área da região branca interior à circunferência de raio 4cm e exterior às circunferências de raio 2cm,
• b é a soma das áreas das demais regiões brancas, ou seja, interiores às circunferências de raio 2cm,
• c é a soma das áreas de todas as regiões pintadas de cinza.

Segue que
a) a < b < c.
b) b < a < c.
c) a = b = c.
d) a + b = c.
e) a + c = b.

Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Inequações

Pesadelo


Uma calculadora especial, criada por um engenheiro eletrônico, possui a tecla [RL] , que, quando acionada, calcula:

• a raiz quadrada do número que está no visor, caso esse número seja maior do que 1000;
• o logaritmo na base 10 do número que está no visor, caso esse número seja menor ou igual a 1000.

Uma pessoa digitou no visor dessa calculadora o número 10.000.000.000.000.000. Assim, o número de vezes consecutivas que a tecla [RL] deverá ser acionada até que apareça no visor um número negativo é igual a

a) 5.
b) 6.
c) 7.
d) 8.
e) 9.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Geometria Plana

Pesadelo


A desigualdade triangular é um princípio da geometria que estabelece o seguinte:

“Qualquer lado de um triângulo é sempre menor do que a soma dos outros dois”.

Considere que A, B, C e D são vértices de um quadrilátero. Se AC é uma das diagonais desse quadrilátero, a única afirmação que não é necessariamente verdadeira é

a) AC < AB + BC.
b) AC < AD + DC.
c) AB < AC + BC.
d) DC < AC + DC.
e) DC < AB + BC.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Razão e Proporção

Pesadelo


Num supermercado, são vendidas duas marcas de sabão em pó, Limpinho, a mais barata, e Cheiroso, 30% mais cara do que a primeira. Dona Nina tem em sua carteira uma quantia que é suficiente para comprar 10 caixas de 1kg do sabão Limpinho, mas não pode comprar as mesmas 10 caixas de 1kg do sabão Cheiroso. Seja M o maior número de caixas de 1kg do sabão Cheiroso que dona Nina pode comprar com a quantia que tem em sua carteira. Nessas condições, M vale, no mínimo,

a) 9.
c) 7.
b) 8.
d) 6.
e) 5.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2006 ( Matemática ) Raciocínio Lógico Dedutivo

Pesadelo


Num tribunal foram interrogados dois envolvidos em um crime, Fulam e Rotiele. Um deles sempre diz a verdade e o outro sempre mente. Do depoimento de Fulam foi extraída a frase

"Se Rotiele confiou em mim, então este júri também confia."

E do depoimento de Rotiele foi extraída a frase

"É impossível que Fulam somente cuide do dinheiro de todas as pessoas que não cuidam do próprio dinheiro."

Dessa forma, a afirmação verdadeira entre as alternativas abaixo é

a) "O júri não confia em Fulam."
b) "Fulam é o que diz a verdade."
c) "Rotiele não confiou em Fulam."
d) "Se Rotiele está no júri, então ainda confia em Fulam."
e) "O trecho acima citado do depoimento de Rotiele também poderia ter aparecido no depoimento de Fulam."


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2006 ( Matemática ) Raciocínio Lógico Dedutivo

Pesadelo


Em cada um dos cinco quartos — A, B, C, D e E — de um hotel há um e apenas um hóspede, conforme a figura ao lado. Sabe-se que:

• um hóspede assassinou um dos outros quatro;
• se o assassino e a vítima se hospedavam em quartos que possuem o mesmo número de quartos contíguos, então o hóspede do quarto C é o assassino;
• se o assassino e a vítima estavam em quartos de tamanhos diferentes, então o criminoso estava no quarto A ou D.

Com base nessas informações, conclui-se que a vítima era o hóspede do quarto

a) A.
b) B.
c) C.
d) D.
e) E.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2005 ( Matemática ) Raciocínio Lógico Dedutivo

Pesadelo


Considere que, nos seguintes enunciados, a palavra jovem sempre esteja relacionada à mesma pessoa.

(I) “Se, para ingressar no curso de Administração que pretendia, um jovem concorreu com 749 vestibulandos para 50 vagas, então para ingressar no programa de trainee da empresa que ele quer, agora que está se formando, ele está concorrendo com 14999 candidatos para apenas 30 vagas.”

(II) “A relação candidato/vaga no vestibular do curso de Administração que o jovem pretendia foi igual a 15.”

(III) “A relação candidato/vaga no processo de trainee que o jovem quer é igual a 500.”

Sabe-se que, para que um condicional do tipo “se A então B” seja falso, é necessário e suficiente que A seja uma sentença verdadeira e que B seja uma sentença falsa. Com isso, para concluir que o condicional apresentado no quadro (I) é falso,

a) é necessário saber que a informação do quadro (II) é verdadeira e a informação do quadro (III) é falsa.
b) é suficiente saber que a informação do quadro (II) é verdadeira e a informação do quadro (III) é falsa.
c) é necessário saber que a informação do quadro (II) é falsa e a informação do quadro (III) é verdadeira.
d) é suficiente saber que a informação do quadro (II) é falsa e a informação do quadro (III) é verdadeira.
e) é necessário obter mais informações além da veracidade ou da falsidade das informações dos quadros (II) e (III).


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2005 ( Matemática ) Raciocínio Lógico Dedutivo

Pesadelo


Considere a declaração abaixo:

Uma pessoa ingressa na comunidade virtual de relacionamento TUKRO somente se é convidada

Supondo que a declaração acima seja verdadeira, é correto afirmar que

a) “Se uma pessoa quer ingressar na TUKRO, então ela é convidada.”
b) “Se uma pessoa é convidada para entrar na TUKRO, então ela quer ingressar nesta comunidade.”
c) “Se uma pessoa é convidada para entrar na TUKRO, então ela ingressa nesta comunidade.”
d) “Se uma pessoa ingressar na TUKRO, então ela foi convidada.”
e) “Se uma pessoa não ingressar na TUKRO, então ela não foi convidada.”


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Raciocínio Lógico Dedutivo

Pesadelo


As três testemunhas de um crime (T1, T2, T3) não quiseram delatar diretamente o criminoso. Por outro lado, o infrator é uma das seis pessoas que foram encontradas na cena do crime. A polícia propôs então o seguinte jogo de reconhecimento para as três testemunhas:

• Todas as combinações de 4 nomes, escolhidos entre os 6 nomes dos suspeitos, serão escritas em diferentes cartões.
• A testemunha T1 seleciona um cartão que contenha o nome do criminoso, em seguida a testemunha T2 seleciona outro cartão que também contenha o nome do criminoso, depois a testemunha T3 faz o mesmo,depois a testemunha T1 volta a escolher e assim por diante, até que o investigador consiga, por eliminação, descobrir o criminoso.

O criminoso pode ser revelado no menor número de passos possível (p passos) ou no maior número de passos possível (q passos). Nessas duas possibilidades, o passo p e o passo q corresponderiam, respectivamente, à escolha.

a) da testemunha T1 e da testemunha T2.
b) da testemunha T1 e da testemunha T3.
c) da testemunha T3 e da testemunha T1.
d) da testemunha T3 e da testemunha T2.
e) da testemunha T2 e da testemunha T1.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Conjuntos

Pesadelo


Todos os candidatos inscritos num vestibular escolheram na ficha de inscrição que preencheram uma única entre as três seguintes situações prévias (em relação ao ano anterior): freqüentou um cursinho, acabou de sair do ensino médio ou estudou sozinho. Por um erro no processamento dos dados, foi gerado um relatório sobre essas respostas apenas com as seguintes informações:

• 800 não fizeram cursinho,
• 1200 não acabaram de sair do ensino médio,
• 1500 não ficaram estudando sozinhos durante o último ano.

Com isso, conclui-se que o número total de inscritos foi igual a

a) 1250.
b) 1750.
c) 2500.
d) 3500.
e) 4750.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Raciocínio Lógico Dedutivo

Pesadelo


A partir de duas sentenças p e q, pode-se construir uma nova sentença unindo-se as duas anteriores por meio
de um conectivo lógico. Na tabela abaixo, são descritos dois desses conectivos.

Conectivo
Sentença
Leitura
Significado

condicional
(→)

p → q
Se p, então q. A sentença p → q só é falsa se p for verdadeira e q for falsa.
(→) Nos demais casos, p → q é verdadeira

bicondicional
(↔)

p ↔ q
p se, e somente se, q. A sentença p ↔ q só é verdadeira quando p e q são ambas verdadeiras ou p e q são ambas falsas.
Nos demais casos, p ↔ q é falsa.

Considere as duas sentenças abaixo.

(1) Se o filme já começou, então o telefone está desligado.
(2) O telefone está desligado se, e somente se, o cidadão é educado.

Sabendo que a sentença (1) é falsa e a sentença (2) é verdadeira, é correto concluir que

a) o filme já começou, o telefone não está desligado e o cidadão é educado.
b) o filme já começou, o telefone está desligado e o cidadão é educado.
c) o filme já começou, o telefone não está desligado e o cidadão não é educado.
d) o filme não começou, o telefone está desligado e o cidadão é educado.
e) o filme não começou, o telefone não está desligado e o cidadão não é educado.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Raciocínio Lógico Dedutivo

Pesadelo


A partir de duas sentenças p e q, pode-se construir uma nova sentença unindo-se as duas anteriores por meio de um conectivo lógico. Na tabela abaixo, são descritos dois desses conectivos.

Conectivo
Sentença
Leitura
Significado

condicional
(→)

p → q
Se p, então q. A sentença p → q só é falsa se p for verdadeira e q for falsa.
(→) Nos demais casos, p → q é verdadeira

bicondicional
(↔)

p ↔ q
p se, e somente se, q. A sentença p ↔ q só é verdadeira quando p e q são ambas verdadeiras ou p e q são ambas falsas.
Nos demais casos, p ↔ q é falsa.

Sejam a e b números inteiros que safisfazem, respectivamente, às equações

(2x – 16) • (3x – 9) = 0 e x2 – 6x + 5 = 0.

Então, a única sentença necessariamente FALSA é
a) (a é par) → (b é ímpar).
b) (a é ímpar) → (b é par).
c) (a é ímpar) → (b é ímpar).
d) (a é par) ↔ (b é ímpar).
e) (a é ímpar) ↔ (b é ímpar)


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2008 ( Matemática ) Polinômios

Pesadelo


Um polinômio P(x) é divisível pelos polinômios (x2 – 5x + 6) e (x2 – 7x +12). Sobre esse polinômio são feitas três afirmações.

I. O grau de P(x) é igual a 4.
II. O grau de P(x) pode ser igual a 3.
III. O resto da divisão de P(x) por (x2 – 6x + 8) é igual a 0.

É(São) verdadeira(s), necessariamente, apenas a(s) afirmação(ões)

a) I.
b) II.
c) III.
d) I e III.
e) II e III.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

IBMEC - 2007 ( Matemática ) Raciocínio Lógico Dedutivo

Pesadelo


Das três afirmações abaixo, apenas uma é verdadeira.

I. Se há mais homens do que ratos na cidade, então a cidade vencerá a guerra.
II. A cidade vencerá a guerra ou construirá uma igreja, ou as duas coisas.
III. A cidade não construirá uma igreja e não há mais homens do que ratos na cidade.

É correto concluir que

a) não há mais homens do que ratos na cidade, mas a cidade vencerá a guerra e construirá uma igreja.
b) não há mais homens do que ratos na cidade, a cidade não vencerá a guerra, mas construirá uma igreja.
c) não há mais homens do que ratos na cidade, a cidade não vencerá a guerra e não construirá uma igreja.
d) há mais homens do que ratos na cidade, mas a cidade não vencerá a guerra, entretanto construirá uma igreja.
e) há mais homens do que ratos na cidade, a cidade vencerá a guerra, mas não construirá uma igreja.


Saiba mais sobre esta questaoImprima esta questao

Registros 1 a 20 de 33.

Próxima Página
Última Página